10 de maio, 2015 

Queridos Membros da Família Vicentina Internacional:

Como já sabem, o Padre Gregório Gay tem convidado a Família Vicentina para celebrar o “Ano da Colaboração”[1] iniciando na Festa de Pentecostes, em 2015, no dia 24 de maio,até a Festa de Pentecostes, de 2016, no dia 15 de maio. Nosso tema é “Juntos em Cristo, nós Vicentinos, fazemos a diferença”.

Nossos esforços para este ano serão coordenados pela Comissão de Colaboração da Família Vicentina (VFCC sua sigla em inglês). O que vem a seguir são as recomendações (repetidas) que foram publicadas para a celebração inicial nos níveis locais e regionais.

Nosso tema para Pentecostes 2015 é “Ação de Graças” .

Ao iniciar este ano, o Padre Gregório nos enviou uma mensagem por vídeo.

Você pode encontrar em http://famvin.org/es/

na nossa página de Facebook (https://www.facebook.com/Vincentian.Collaboration),

e no Youtube (https://www.youtube.com/watch?v=DcTR3qLPx-4&feature=youtu.be ).

A Família Vicentina é chamada a reunir-se para dar graças a Deus e para celebrar unida. Seguem-se abaixo três leituras de São Vicente que podem ser incluídas na celebração de oração ou na Missa de Ação de Graças. Caso queiram poderão incluir algum tempo para dar testemunho ou uma celebração sobre o que a Família Vicentina, a nível local, está fazendo.

Opções de leituras de São Vicente:

A – A JEAN DE FONTENEIL, 23 de agosto de 1635. Coste, Vol I, nº 204 (Obras Completas de São Vicente de Paulo – Editora O LUTADOR, Vol I, nº 204, página 343): “Sinto-me ainda confuso pela caridade que exerceste e continuamente exerceis para com meu pobre irmão. Como tudo fizestes por amor a Deus, e como o reconhecimento por tantos benefícios está acima de nossas possibilidades, rogo a Nosso Senhor, senhor padre, seja ele mesmo nosso agradecimento e vossa recompensa”.

B – A JEAN DE FONTENEIL, 07 de dezembro de 1634, Coste, Vol I, nº 189 (Obras Completas de São Vicente de Paulo – Editora O LUTADOR, Vol I, nº 189, página 320: “Por tudo isso vos agradeço, senhor padre, muito humildemente, e rogo a Nosso Senhor seja ele mesmo nossa gratidão para convosco e vossa recompensa. Derrame sobre vós cada vez mais a abundância de suas graças e bênçãos. Ó senhor padre, como meu coração fica repleto de consolação, todas as vezes que o referido padre de La Salle me escreve sobre o vosso zelo pela salvação das almas, vossa assiduidade no esforço por conquista-las, as bênçãos que Nosso Senhor vos concede e a virtude sólida que está em vós! Com certeza, senhor padre, tudo isso produz em mim uma alegria, que não sou capaz de voz exprimir, e um fervortodo especial, ao pedir a Deus que lhe apraza continuar a conceder-vos as mesmas graças, e a aumenta-las”.

C – A ETIENNE BLATIRON, 14 de fevereiro de 1648. Coste, Vol 3, nº 1017 (Obras Completas de São Vicente de Paulo – Editora O LUTADOR, Vol III, nº 1017, página 338). “As graças que Deus derrama sobre vossos trabalhos são frutos de sua pura misericórdia e não de nossas insignificantes preces; somos pobres pessoas, mais capazes de desviar suas bênçãos do que de atraí-las. Agradeço a sua divina bondade pelo zelo e fidelidade que concede a vosso coração e àqueles que estão convosco. Com certeza, senhor padre, fico sensibilizado com o uso que fazeis dessas virtudes e de muitas outras; quando se apresenta a ocasião de estimular a comunidade de São Lázaro no sentido de sua própria perfeição, falo dos exemplos que a vossa nos dá; relato-lhe vossos trabalhos, apesar das enfermidades de alguns, vossa paciência nas dificuldades, a caridade e o suporte que tendes uns para com os outros, a graciosa acolhida, a iniciativa de honrosa atenção e os serviços que os externos recebem de cada um de vós. Por aí vedes, senhor padre, que o mel de vossa colmeia se derrama até nesta casa e serve para alimento de seus filhos. Ó Deus! Que motivo de consolação para toda a Companhia, mastambém, que motivo para a nossa pequena comunidade se humilhar diante de Deus e agir sempre cada vez melhor, pois ele se apraz em estender e multiplicar assim os bens que produz, até nos lugares onde não está!”.

Junto a esta carta, encontrarão uma cópia de um modelo de roteiro de oração[2] que talvez queriam adaptar para sua realidade local. Por favor, não se esqueçam de enviar informações e fotografias de suas celebrações para nós: agostinojv@gmail.com ou vfcaprogram@gmal.com

 

Muito obrigado por tudo o que fazem para que este ano de celebração seja um ano pleno de gratidão por tantas maneiras como trabalhamos juntos ao serviço dos que vivem em pobreza.

 

 

Atenciosamente,

R.P. Joseph V. Agostino CM
Coordenador
Comissão de Colaboração da Família Vicentina

[1] https://pt.scribd.com/collections/13631149/Year-of-Vincentian-Collaboration-2015-2016

[2] http://pt.scribd.com/doc/265062686/POR-Oracao-para-Colaboracao-da-Familia-Vicentina